A História é formada através dos fatos, das realizações e das ações que ocorrem ao longo do tempo, e que na maioria das vezes, tem sua origem nas decisões da vontade permissiva ou imperativa de Deus. Porque nenhum plano de Deus pode ser impedido Jó 42:2.

 A fundação da Comunidade da Paz em 15 de Maio de 1.997 é o resultado da vontade imperativa de Deus, que se manifestou através de uma comunidade evangélica consciente do Poder Transformador do Espírito Santo e da Palavra de Deus, agindo na vida de pessoas comuns, porém dispostas a fazerem uma Grande Obra.

Líderes e Membros dessa Comunidade Evangélica, já manifestavam a sua vocação ministerial, mesmo antes da sua autonomia administrativa. Quando a Diretoria da Assembléia de Deus de Perus, entendeu que o momento já era chegado. Naquele dia, por ocasião da ministração da Ceia do Senhor, a nova Igreja recebeu a sua autonomia ministerial, através de uma documento grafado pelo pastor presidente daquele ministério Benjamim Felipe Rodrigues que após a sua leitura, houve um grande momento de alegria e gratidão a Deus, pela grande vitória alcançada, sem litígio tudo ocorreu para o engrandecimento e crescimento do Reino de Deus.

 Hoje já somos uma grande família Cristã, composta de uma equipe de Obreiros, um Coral de feminino, grupos de Pré-Adolescentes, de Adolescentes e de Crianças, Membros e Novos Convertidos e, uma Banda, todos com uma visão renovada enxergando mais longe, com uma maior definição dos objetivos que nos foram propostos pelo Senhor Jesus Cristo, não discriminamos e não incriminamos, todavia, apresentamos o único caminho que conduz à vida eterna ? Jesus Cristo o Eterno Salvador dos homens. Proclamamos o grande amor de Deus, através de seu Filho, que garante a vida eterna, a todo aquele que nele crê, Jo. 3:16. Onde afirmamos que todo aquele que invocar o nome do Senhor, será salvo. Rm. 10:13. Salvação de graça por meio da Fé, dom de Deus. Ef 2:8.

 B ispo José Cordeiro da Silva