VIOLÊNCIA, O MAL QUE DESTRÓI A HUMANIDADE

VIOLÊNCIA, O MAL QUE DESTRÓI A HUMANIDADE É responsabilidade de todos nós combatermos a violência, não é só responsabilidade do Governo, dos Políticos, da Justiça, pensando bem, governo somos todos nós. Todos de uma forma ou de outra, estamos sendo vítima, tanto de sofrer a agressão, como de agir agressivamente, isto é, sofremos e cometemos violência no dia a dia, quando não é física, é verbal, é visual, é social, é econômica e até mesmo religiosa. Quando agimos de forma violenta com crianças, quer seja através de palavras, gestos ou atitudes, estamos contribuindo para que eles sejam jovens e adultos violentos. O que se planta, obviamente isto se colherá. A violência física é mais visível, é fácil de ser identificada, e parece-me que se fala muito mais dela, do que dos outros tipos de violência. Somos violentados também, pelos meios de comunicações com notícias, informações, opiniões, comentários e propagandas que não acrescentam nada, pelo contrario, desestimulam, fragilizam, enfraquecem e põe medo nas pessoas. Não queremos generalizar, mais por falta de um compromisso maior com a verdade e o bem estar social, muitos se comprometem com o lucro exacerbado e com a tirania da comunicação dominadora e, formadora de opinião voltada para a desmoralização dos valores espirituais permanentes, descaracterizando o ser humano, visando a penas interesses econômicos, através do consumismo. Queremos a Paz. Mas, as vezes a nossa contribuição para que ela aconteça é bem pequena, parece que contribuímos mais para a violência do que para a Paz, gostaria de que esta opinião não estivesse certa, mais o que fazer? Só falar? Não, precisamos agir. Mas agir a partir de uma tomada de posição coerente, fraterna, com base nos valores permanentes esboçados no Evangelho de Jesus Cristo, objetivando um convívio pacífico entre todos e com todos. Quantas vezes em nome da religião invadimos a privacidade alheia e temos também a nossa privacidade invadida, violentamos e somos violentados. Não podemos esquecer-nos das palavras de Jesus, com relação ao nosso tema. Amai-vos uns aos outros como eu vos amei, só ama quem tem paz dentro de si mesmo. A Paz, é o resultado de uma atitude pensada, racional, inteligente, cheia de amor ao próximo e a nós mesmos. Eis aí, a grande responsabilidade de cada um de nós. A Paz deve começar dentro de cada um de nós, dentro do Lar, não vamos esperar que ela comece primeiro no outro, isto é, no próximo. Quando a Paz começar dentro de cada um de nós, sem dúvida nenhuma eliminaremos a violência. José Cordeiro da Silva
About the Author